Subscribe

A primeira regra da aposentadoria antecipada / Independência financeira.

Aposentadoria antecipada e/ou Independência financeira, apesar da profusão de blogs sobre o assunto em diversas línguas, continua sendo uma coisa rara na vida não-blog, e algo que a maioria das pessoas no mundo nunca pensou em ser possível. E isso significa que o conceito inteiro, para a maioria das pessoas, é completamente desconhecido.
Claro, algumas pessoas que ouvem sobre a aposentadoria antecipada imediatamente saem em busca de aprender mais (Foi como eu comecei e talvez você também, já que você está lendo isso) mas isso é tão raro que gera ceticismo e desdém em 99% das pessoas.


Muito comum é encontrar este tipo de reação dentro da sua própria família (Esposa(o) e filho(s)). Nestes casos as opções que lhe restam são:
  • Tentar convencê-los a te apoiar; enfatizar e projetar como será o futuro ao atingir a meta;
  • Não conte nada a eles até conseguir atingir a meta, mesmo que demore mais sem a colaboração total deles;
Quanto ao resto do seu círculo social como seus colegas de trabalho, amigos e familiares não próximos, a maioria vai pensar que você é louco. Isto porque a maioria das pessoas economiza menos de 5% de sua renda e nunca poderão se aposentar antecipadamente. Uma vez, eu disse a um vizinho que eu tenho um blog chamado Aposente aos 40. Sua reação foi "Vai se aposentar aos 40 e voltar a trabalhar aos 50!". Eu ri porque eu sabia que a maioria das pessoas pensavam assim. Existem algumas soluções para esse problema. Não diga a ninguém que você está tentando se aposentar cedo.  Esta é a  primeira regra do clube FIRE: Você não fala sobre o clube FIRE fora do clube FIRE! 

Relembrando, FIRE é a sigla em inglês para Independência financeira/ Aposente-se cedo. Se você mesmo assim quiser fala sobre FIRE, então esteja preparado para ignorar estas pessoas que certamente vão tirar onda e desdenhar de seus esforços.
Não podemos negar que a aposentadoria antecipada é pouco ortodoxa, mas há muitos exemplos excelentes de pessoas que chegaram lá e estão vivendo como planejarem viver. Veja nossa lista de blogs e sites de pessoas que chegaram lá e que não para de crescer. Alias, ter um blog de finanças parece ser um padrão para quem tem esta meta !



11 comentários:

  1. Que coincidência! Estava falando com a minha mulher sobre isso ontem hahahha!
    ela me questionou o que faria se ganhasse um prêmio tipo mega sena. Falei a ela que me aposentaria. Ela me olhou por uns segundos e disse;

    Partiu jogar? hahahha

    E sobre o FIRE, não fale sobre ele fora do clube... it's dangerous!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que sua esposa está onboard II. A minha diz estar mas tá difícil conter os custos dentro do orçamento. O jeito é usar a psicologia.

      Excluir
    2. Minha esposavai a mesma linha e issi desmotiva (nao a IF, mas a relacao). Rs
      Abraco

      Excluir
    3. Pra manter a motivação dos dois buscamos seguir a linha proposta pelo Cerbasi: sempre contemplar a realização de projetos individuais ao longo do caminho. Acredito ser uma boa estratégia porque, de fato, é complicado manter o foco na IF por anos a fio em meio a tantas tentações de consumo que surgem pelo caminho...

      Excluir
    4. Extremamente dificil. O Marketing hoje em dia é muito poderoso.
      Diria até que a busca pela IF é na verdade uma queda de braço com o Marketing. O mais forte vence e neste caso espero que seja nossa força de vontade!

      Excluir
  2. É, só quem sabe sobre o meu objetivo são meus pais e ainda assim eu não falo de valores com eles...abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho a melhor estratégia mesmo IFM. Quanto menos gente souber, menos "olho gordo" e negatividade para o nosso lado.

      Excluir
    2. Concordo. Se, por um lado, "olho do dono engorda o gado", por outro, "olho gordo alheio" não agrega nada!

      Excluir
  3. Prezados. Desculpem postar aqui mas estou vivendo um dilema e este post tem muitos comentarios e gostaria de opiniões. Moro a 5 anos nos EUA e minhas economias aqui e no Brasil me permitiriam viver de renda no Brasil, porém aqui teria que trabalhar mais uns 14 anos ainda pra conseguir VR. Meu trabalho aqui numa multinacional está impossível e nao estou aguentando mais e esto pensando em pedir as contas e voltar (tenho visto trabalho entao seria obrigado a voltar). O que voceis acham? Estou louco em fazer isto? sei que para muitos EUA é um paraíso mas estou bem decepcionado com a empresa e tbm com o país em sí e a atitude perante imigrantes. O que me dizem? Quanto precisaria pra viver no Brasil com uma família de 3 pessoas hj no minimo fora duma grande capital?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anon, que dilema. Eu sou da opinião que EUA é feito para fazer vc trabalhar a vida toda e consumir o máximo. Visão totalmente contrária ao movimento FI/RE. O próprio GCC (https://gocurrycracker.com/never-pay-taxes-by-moving-abroad/) sugere para americanos mudarem-se para o exterior para evitar pagar impostos e viver com menos e aposentar mais cedo. Se vc ainda tão tá acostumado a vida boa americana e é um poupador buscando FI, não tenha medo. Volte ao Brasil, escolha um lugar bom , seguro e barato para aproveitar a vida e viaje muito. Vamos ver oque outros colegar dizem, mas este é o selo do AA40

      Excluir