Subscribe

Bitcoins: Modinha ou Dinheiro do Futuro ?

"Era 26 de Outubro de 2012 quando comprei 100 BTC por exatos 1.017 dólares. Hoje tenho mais de 1 milhão de dólares"

Não, infelizmente esta história não é minha. Esta e muitas outras (como a do blog Viver de Renda) semelhantes espalham-se pela internet todo dia, ainda mais agora que cada BTC superou a barreira dos 10 mil dólares cada. Ontem mesmo surgiram os primeiros bilionários do Bitcoin.
Eu, como tantos outros FIRE geeks, achou a ideia interessante, o apelo pelo libertarismo governamental e bancário é sem dúvida muito legal, porém, como a maioria, não fiz nada.
Bitcoin não existe fisicamente. Esta imagem é só uma personificação de códigos matemáticos e criptográficos que chamamos de bitcoins.

Se você ainda não ouviu sobre bitcoins você deve viver debaixo de uma pedra. Se ainda não conhece o básico, a wikipedia pode te explicar

Novas moedas como o bitcoin são criadas praticamente todos os dias e algumas são até piadas. Hoje, o site investing.com lista quase 1,400 moedas diferentes.

Um dos fatos que alavancou o preço das principais moedas (Bitcoin, Litecoin e Ethereum) foi o fato da CME e da Nasdaq anunciarem a inclusão do bitcoin na plataforma de negociações de mercado futuro nos próximos meses, o que possibilitará venda a descoberto além de investidores institucionais entrarem aos poucos no mercado de cripto moedas. ETFs estão para serem lançados em 2018 o que pode elevar os preços ainda mais puramente por aumento de demanda.

Especular com cripto moedas não tem nada de errado se você souber dos riscos (acho que  eles ficarão bem claros abaixo). Isto não significa que não haja uma real chance do Bitcoin e algumas outras moedas se tornarem o ouro do futuro, o dinheiro do futuro e até mesmo o futuro do mercado financeiro.

Quem deve investir em cripto moedas?

Hipoteticamente, um investidor que queira investir em moedas digitais já deve estar poupando mais de 50% do seu salário; estar financeiramente independente ou no mínimo com mais de 70% das suas despesas cobertas pelo retorno de seus investimentos; ter um fundo de emergência de 6 meses no mínimo; ter dinheiro disponível para arriscar a perder tudo sem que isto comprometa sua segurança financeira (ou psicológica).

Quem não deve investir em cripto moedas?

Se este dinheiro que vai usar para especular significar alguma coisa para você pare agora. Não entre neste mercado neste momento. Se tiver qualquer dívida, esqueça.  Se não for fera na informática espere mais um pouco por novas ferramentas devem surgir em breve para facilitar transações e até minerar.
Se não tiver estômago para ver sua carteira cair 50% a 70% em questão de horas, fuja! 

-Estamos em uma bolha? Sim, muito provavelmente
-Cripto moedas são pegadinhas e esquemas? Muitas delas sim
-Vai haver um crash*? Sim, mais cedo ou mais tarde
-É investimento de risco? "Provavelmente roleta russa seja mais seguro" -JLCollins
-Poderá ir mesmo a 100 mil dólares cada BTC? Ninguém sabe
-Vou perder dinheiro? É provável
-Posso ganhar muito dinheiro? Se sair na hora certa, mas qual a hora certa? Ninguém sabe

Então, qual seria a melhor estratégia?


SE realmente as cripto moedas e especificamente o bitcoin forem o futuro da economia mundial, obviamente o valor intrínseco delas é muito grande e o potencial de valorização ainda é astronômico. Isto significaria que o bitcoin e outras moedas estariam muito descontadas ainda do ponto de vista fundamentalista e isto faria do velho e bom comprar e esquecer uma estratégia muito boa de investimento.
Seria como ter comprado Amazon, Apple ou Google nos anos 90. Se tivesse comprado estaria rindo a toa em 2017, porém você poderia ter comprado Boo.com e falido junto com ela em 2000!
Isto traz a tona a questão para se pensar: Será o bitcoin realmente a moeda que vai se sobressair e vivar o padrão ou o Ethereum, o Ripple, ou alguma outra?

Outro ponto a ser observado é que praticamente nenhum investidor institucional - bancos - ainda entrou neste mercado (falta regulamentação, segurança e regras claras de impostos, compliance, etc). Eles podem entrar em fazerem o preço ir para a lua. Contudo, com o poder que eles e os governos detém, eles podem muito bem ir na contramão e começarem uma guerra conta as cripto moedas. O governo pode aumentar os impostos e taxas, limitar ou declarar o fechamento de exchanges como já aconteceu na China. Há quem diga que a grande valorização da moeda deve-se ao fato de ser uma commoditie de anonimato. O preço do anonimato está caro hoje em dia e se a moeda não mais garantir este anonimato por ordem dos governos, o preço sofrerá um crash. Ainda temos os riscos operacionais como perda de moedas em discos corrompidos sem backup, senhas anotadas perdidas, ataques hackers, etc,o que geraria perdas totais e que pode levar a uma desacreditação da moeda digital como algo funcional (não na tecnologia em sí).

News: Este cara está pensando em escavar um lixão para tentar recuperar seu laptop com 7500 bitcoins nele

Ainda é tempo de entrar? 

Ninguém sabe. É pior que saber se uma ação vai subir ou cair por que não há fundamentos nem lastro no Bitcoin.  Podemos estar no início de uma revolução da economia do futuro. Algo como foi a internet nos anos 90. Sabemos que poucas empresas sobreviverem a bolha das ponto com (.com) perto do ano 2000, mas algumas prosperaram e fizeram muita gente rica.
Pessoalmente, creio que apostar agora no que pode ser o futuro do sistema econômico mundial vale um pequeno investimento!

O único meio de saber se esta aposta vai dar frutos é aplicando uma pequena quantidade (nunca mais de 2% do patrimônio) que se sinta confortável e esquecer que o fez, afinal, quem está ganhando dinheiro hoje com bitcoins é por que comprou há 5 anos ou mais e esqueceu que tinha. Sabemos que ignorar todo esse frenesi que a mídia faz sobre isto é muito difícil, então fique a vontade para fazer suas apostas e sofrer as consequências, sejam elas boas ou ruins.
💀Por via das dúvidas, este site que usa inteligencia artificial promete te avisar quando a bolha do bitcoin estourar (acredite se quiser)


Perguntas?

-Uma ideia de carteira de cripto moedas? 
  • 45% BTC | 45% ETH | 10% LTC
-Tenho que comprar um BTC inteiro a 11 mil dólares?
Você não precisa comprar 1 BTC inteiro. Eles são divisíveis e você pode comprar uma fração de 50 reais do mesmo por exemplo.


-Tenho que pagar impostos?
Sim, vendendo com lucro ou usando para comprar bens é considerado ganho de capital.  Veja  um guia de como declarar moedas digitais no IRPF 2017

-Posso converter para reais a qualquer hora?
Teoricamente sim, a menos que você tenha muito dinheiro nessas moedas, deve haver liquidez sempre na maioria delas.

Créditos: Adaptado de http://jlcollinsnh.com/

Dúvidas? Opiniões? Comente abaixo.


AVISO E DISCLAIMER: Não somos nem um pouco qualificados para dizer se você deve ou não deve investir/especular com estas cripto moedas. Nada escrito aqui deve ser encarado como recomendação de compra/venda. Faça sua própria pesquisa. Este texto foi baseado em um post do blog http://jlcollinsnh.com/ Disclaimer: No momento que escrevemos esta matéria estamos comprados em quantidades muito pequenas de LTC e BTC.
*Crash = Queda de mais de 20% em curto espaço de tempo. 



14 comentários:

  1. Modinha. Pq os que se dizem milionários de btc não sacam a grana então? Ou transformam em dinheiro? Pq essa merda não tem lastro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quisemos instigar estas questões este post. Muitos não sacam ppr qur realmente acreditam que o bitcoin pode ser a moeda do futuro e a usaria em breve para comprar qualquer coisa sem precisar converter para uma moeda papel. Já existem até cartões de crédito em Bitcoins mas ainda é bem limitado. Outros não vendem porque acham que vai valorizar muito mais ainda. Enfim, quem está certo só o tempo dirá.

      Excluir
  2. Senti um tom de pessimismo na sua postagem. Concordo que muito provavelmente está supervalorizado, mas "-Vou perder dinheiro? Provavelmente sim" é um tom muito forte rs.


    Vou um pouco na contramão do seu post. Aliás, vou complementá-lo. Concordo com as pré-condições para investir, porém acredito que haja mais fatores. Se você tem um emprego "estável", uma previsão de fonte para um período de curto/médio prazo e tem uma taxa de poupança boa, eu acredito que deva entrar forte não só em bitcoin mas em investimentos de maior risco, proporcionais ao retorno. Digo isso porque estamos falando de quantias "pequenas" que no longo prazo não deverão afetar sua IF. Em casos de perda teremos um atraso de 1, no máximo 2 anos, porém em casos de ganho podemos adiantar períodos expressivos, 5 ou mais anos. Isso, claro, pensando em pessoas jovens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A ideia não foi pessimismo mas traçar um comparativo dos prós e contra. Especular com ICOs vai na contramão do value investing pregado pela comunidade FIRE mas claro que isto é muito particular de cada pessoa. Se você se sente seguro para investir pesado vá em frente mas não podemos recomendar isto pois nosso objetivo é aposentadoria antecipada sustentável, ou seja, não podemos arriscar.
      Quanto ao perder dinheiro é provável a menos que você tenha entrado antes de 2012 por que viu valor na idea, voce só entrará agora por que valorizou absurdamente e como toda bolha, quem entra no final perde.

      Excluir
    2. Enriquecendo,

      Sei que você é fã de criptomoedas e tem bastante BTC mas quando o AA40 fala que provavelmente você irá perder dinheiro ele está certíssimo. Ações também são bons investimentos e mesmo assim a gente perde dinheiro. Opções podem alavancar em muito a carteira mas mesmo assim tem gente que perde muito dinheiro, assim acontece também com forex e até jogo do bicho você pode ganhar muito ou perder bastante. Com criptomoedas não vai ser diferente, não é um investimento que varia só pro lado positivo.

      Abraço!

      Excluir
    3. BPM, você colocou melhor ainda o que quis dizer no artigo. Creio que para nós early retirees precisamos ter consciencia que nosso futuro depende da renda de nossos investimentos e não podemos arriscar a perder. Eu não colocaria mais de 1% do meu patrimonio em bitcoins p.e. mas isto é particular de cada um.

      Excluir
  3. AA40,

    Ainda vou escrever um pouco sobre minhas atuais impressões sobre criptomoedas mas você abordou bem as condições de compra. O problema é que seguindo suas regras seria uma minoria muito minoria mesmo que estariam em condições kkkk,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa. Fique a vontade para linkar nosso post. Ficarei esperando.
      A idéia é essa mesmo, que só arrisque quem já tem condições de arriscar. Quando vejo pessoas colocando seu salario suado em algo que pode evaporar do dia para a noite eu não posso ficar sossegado. Primeiro você tem que criar as condições de poder investir em algo extremamente arriscado que você acha que agora que subiu mil porcento é seguro e vai te dar muita grana. Não é bem assim !

      Excluir
  4. Pessoalmente não tenho nada contra traduzir um texto de um blog americano, ainda que sem autorização. Ajudar a disseminar conhecimento é sempre positivo.
    Já publicar como se fosse seu é desonestidade demais.
    Qual a problema em dar credito ao original?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tlvz você não tenha lido direito o disclaimer. Coloquei também o texto de crédito mais acima para pessoas que tem problema de visão poderem ver mais facilmente ;)

      Excluir
    2. Realmente não tinha visto a referência no meio de um disclaimer que parecia ser um mero blá-blá-blá do tipo "não sou especialista, rentabilidade passada não garante blá-blá-blá ".
      Falha minha.
      De toda forma, já que não é um plágio, mas sim uma tradução livre e não autorizada, sugiro colocar a fonte logo no começo do texto, com link para o original, esclarecendo tratar-se de uma tradução ou adaptação, conforme o caso.
      Abraço

      Excluir
    3. Obrigado pela sugestão. Este texto está longe de ser copia/traducao. Revisei, inclui minha visão em vários pontos, linquei com vários outros artigos, adaptei ao Brasil, adicionei a parte da nasdaq/CME, dos investidores institucionais, do anonimato e outros pontos que não estao no jlcollins o que me tomou 5 horas de trabalho; então meu caro, vá com calma ao acusar sem ler os dois artigos ;)

      Excluir
    4. Realmente não li sua versão.
      Tinha lido o original pela manhã e reconheci a primeira frase do texto. Rolei a tela e vi vários trechos idênticos. Foi o suficiente para acreditar que eram inteiramente iguais e, não ver necessidade de ler o mesmo texto novamente.
      Procurei a referência ao original e não encontrei, presumi que era um plágio.
      Esclarecida a confusão, peço desculpas pelo mal entendido e damos o assunto por encerrado.
      Abraço.

      Excluir
    5. Sem problemas. Culpa minha também por não ter colocado o crédito em maior evidência. Abcs e volte sempre.
      PS: Vou publicar uma analise em breve de outro ótimo post do M-R e para este já enviei um email pedindo permissão para usar trechos do artigo. O material dos blogs mais maduros em ingles são muito bons e precisamos trazer para o portugues as coisas boas deles que sao aplicáveis aqui.

      Excluir