Subscribe

Maus negócios que dão certo e objetivos para 2018

Terminando de ler o livro "Eu quero ficar rico" do Maurício Hissa da Bastter.com me deparei com um parágrafo que pode muito bem ser aplicado a quem teve lucros astronômicos em cripto moedas e outros investimentos de risco em 2017:
O foco precisa estar sempre no processo de enriquecer e nunca no resultado. Ao analisar os resultados apenas e considerar que tudo que dá lucro é bom e tudo que dá prejuízo é ruim, terminará por investir mais em maus negócios que deram certo uma ou duas vezes apenas por sorte, abandonando bons negócios que por ventura tenham tido maus resultados iniciais
Cuidado pessoal, não abandonem a renda fixa por que a Selic caiu (ela pode voltar a subir em breve) ou o bom e velho buy and hold. Não girem capital e mantenham esta frase do Maurício Hissa em mente sempre:
Não é no que você investe, ou acertar o melhor investimento que faz você ficar rico. A riqueza vem da poupança mensal 
Da mesma forma, Maurício sabiamente descreve que, para o pequeno investidor, só existem 4 investimentos a considerar para enriquecer via aportes constantes:

1) Renda fixa: Títulos públicos TD Selic e IPCA+ 
2) Bolsa: Comprar poucas e boas empresas constantemente, nunca vendê-las. Virar sócio.
3) Imóveis: FIIs ou imóveis quando a sua carteira for grande o suficiente
4) Moeda estrangeira ou Ouro: 5% da carteira unicamente para se proteger contra crises institucionais comuns em nosso país. 

Objetivos reais para 2018

Como já sabemos, o foco deve estar sempre no processo e não no resultado, pois o ultimo sempre será consequência do processo.  Com isto em mente, devemos estabelecer metas para 2018 focando no processo e não no resultado.
Ao invés de estabelecer como meta ter um rendimento de x% ao mês em 2018, devo colocar como meta ler x livros, participar de um curso sobre investimentos, como produzir e ganhar mais no trabalho para poder aportar mais. Focar no como fazer para chegar lá.

Ao invés de colocar como meta acertar x operações de swing trade em 2018, devo colocar como meta poupar X% do salário em 2018.
Se poupar 10% do salário é fácil para você, coloque meta de 20%. Agora não coloque meta de 40% se esta for totalmente fora da realidade. Metas devem ser desafiadoras o suficiente mas serem alcançáveis ao mesmo tempo.
Metas fáceis não levam a mudança e não geram resultados. Metas muito difíceis levam a frustração e abandono do método.


Em 2018 não esqueça da fórmula da riqueza:


Riqueza=[(ganhos-gastos)*juros no tempo]. 

Você pode aumentar seus ganhos, diminuir seus gastos, melhorar a forma como investe aumentando os juros (e os riscos com isto). Até o fator tempo você consegue certo controle evitando girar seu patrimônio e aumentando o tempo dentro do mercado.
Lembre-se que se não vender não paga impostos (na maioria das vezes) nem taxas de corretagem. Foque na acumulação em 2018 e não gire capital !

Feliz 2018 by AA40



28 comentários:

  1. Parabéns, o seu blog tem uns dos melhores conteúdos da blogosfera.
    Cara, para o pequeno investidor a filosofia Bastter é ideal. Você fica na sua vida, em aperfeiçoar-se, e mensalmente vai aportando em ativos com valor.
    A galera fica se preocupando com queda da Selic, taxa e blá blá...
    A maioria espera um milagre, um bilhete da loteria, o investimento do século...é o Bitcoin hoje, imóveis antes, dólar, Telexfree...
    Enquanto persistir essa mentalidade dos "espertos" do "eu sou fodão" o Brasil sempre vai ficar nesta m****.
    Hoje eu sei o caminho e vejo claramente onde irei chegar. Não me preocupo com as "modinhas", com o "investimento do ano".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que temos investidores que pensam como você. Infelizmente não são a maioria. A maioria como você bem disse buscam resultados rápidos e da moda e acabam por quebrar a cara cedo ou tarde. Enriquecer demora e deve demorar mesmo pois só assim vc vai dar o valor que seu dinheiro merece. Aportes constantes e feliz 2018 anon.

      Excluir
  2. AA40,

    A importância da poupança mensal é muitas vezes subestimada. Por isso é sempre bom insistir no assunto, assim que sabe haverá uma conscientização melhor nesse sentido.

    Sobre a Bolsa, você disse:
    "Bolsa: Comprar poucas e boas empresas constantemente, nunca vendê-las. Virar sócio."
    Minha pergunta talvez seja bem amadora, mas até hoje não entendi qual é o objetivo de tornar-se sócio com dividendos tão pequenos, como por exemplo BBDC4 e ITUB4 - esse último, rendeu 0,015000 por ação em dezembro. Qual seria o objetivo final de tornar-se sócio, considerando tais dividendos?

    Thanks!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom isto são palavras do autor do livro. Concordo com ele mas talvez não com as ações citadas. Acho que ITSA4 com um yield de qse 4% seja mais interessante. Dividendos no Brasil é um problema. Eu me ateria mais ao ganho de capital. Comprar nas quedas e nunca vender. Talvez usar Pibb11 para isto. Se quiser focar em dividendos melhor partir pra FIIs ou bolsa americana.

      Excluir
    2. Rosana,

      ITUB e BBDC pagam esse valor mensalmente além de dividendos em certos períodos. Os dividendos advindo dos lucros é bem maior.

      Excluir
    3. AA40,

      Agradeço por sua resposta, entendi que o foco é o ganho de capital.

      Mas você disse:
      "Comprar nas quedas e nunca vender."
      Então, qual seria o objetivo final do buy and hold? Seria vender em algum momento de muita alta? Ou não?

      Para o meu perfil, os FIIs são melhores mesmo, pois há os dividendos mensais além da valorização, como nas ações. O que eu pensei foi a possibilidade de diversificar com ações, mas sem dividendos, não vejo muito sentido.


      BPM,
      Você tem razão, o JCP é bem maior, mas mesmo assim, muito baixo, se comparado com os FIIs.
      De qualquer forma, agradeço por sua resposta.


      Abraços,

      Excluir
    4. Na minha estratégia, o objetivo final do buy and hold é obter o máximo de valorização de preço em si, também de Dividendos embora secundário, para que quando chegar a hora de viver de renda eu aloque este dinheiro em renda fixa e fiis para então sim gerar renda passiva segura. Na fase de acumulação focar só em dividendos e renda passiva vai deixar de obter um potencial ganho de capital com acoes e etf no longo prazo. Mas cada estratégia é diferente então foque na que escolheste e bola pra frente.

      Excluir
    5. Rosana, grosseiramente falando, podemos dizer que em 10 anos, os 5 primeiros é melhor comprar ações de crescimento e os últimos 5 anos comprar ações boas pagadoras de dividendos, desta maneira você aumenta o patrimônio e quanto estiver próximo da aposentadoria começa com os dividendos para quando chegar o dia D você já ter rendendo mensalmente o que precisar para vender.

      Apesar da máxima de que ações que pagam dividendos não crescer não ser 100% verdade, ainda assim é bom ter em um primeiro momento ações de crescimento e depois boas pagadoras de dividendos pois só assim o efeito dos juros compostos podem trabalhar melhor. Não vejo muito sentido em já receber agora, por exemplo, 80% do valor que precisarei para viver na aposentadoria sendo que não usarei, neste caso é melhor já deixar rendendo. É por isso que quando comprei CDB, comprei para 5 anos e devo comprar mais uns pra 5 anos ainda, assim quando eles estiverem vencendo pego todo o dinheiro e compro de ações pagadoras de dividendos.

      Agora se você já precisa dos dividendos hoje pra viver, aí é outra história.

      Excluir
    6. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    7. AA40,

      Agradeço por sua resposta, foi bem esclarecedora. Era exatamente o que eu queria saber. Gostei da estratégia, realmente faz muito sentido. Preciso rever a minha. rsrsrs

      BPM,
      Seu comentário complementou bem a resposta do AA40.
      Gostei da estratégia dos 10 anos divididos em 2 períodos de 5 anos, bem interessante.
      Agradeço por sua ajuda! :)

      Excluir
  3. Partindo do pressuposto que no longo prazo uma empresa boa (de valor) vai crescer e gerar lucro. Geralmente a cotação acompanha esse cenário. Se ela ao mesmo tempo que valoriza paga um pouquinho de dividendos, no longuíssimo prazo o custo da ação para você tende a zero. Exemplo bem simples,pensa um imóvel: você pagou 100k e recebe 500 reais por mês de aluguel. 100 meses depois você recebeu os 100k de volta e suponhamos que o imóvel acompanhou a inflação. É bem simplório, mas com as ações acontece isso, mas no longuíssimo prazo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato. A analogia é correta pois uma ação assim como um imóvel pode valorizar bastante como desvalorizar significativamente dado a diversos fatores. Por isso escolher boas empresas é fundamental. No Brasil hoje dá pra analisar Ambev, Klabin, Raia drogasil e poucas mais... Utilize o fundamentus.com.br para analisar fundamentos

      Excluir
    2. Né lembre de nunca contratar você como meu assessor de investimentos, sua matemática é falha. Da onde que 100x500 = 100.000?

      Excluir
    3. hahaha a analogia é correta. A matemática até pode estar correta também se o Anon acima tiver usado 15% de retorno ao ano...meio irreal atualmente em RF, mas, vai saber no que ele investe!
      Agora a sua conta 100x500 é mais incorreta ainda no mundo financeiro. Cadê os juros ai? VF = VP.(1+i)n

      Excluir
  4. AA40,

    Não há problema em querer ganhar com criptomoedas mas o que acontece é que, como você bem disse, as pessoas não focam no processo. É a mesma coisa de uma pessoa pobre que ganha na mega sena de 30 milhões e compra um sítio por 29 milhões. Em poucos meses tá pobre de novo.

    As pessoas que ganham com criptomoedas podem até falar que realizam lucro e que isso não vai acontecer com elas mas no fundo estão se enganando pois a ganância é maior que a sabedoria e a serenidade.

    Falamos sempre aqui nesse equilíbrio tentando passar a mensagem de que não é crime ganhar com criptomoedas mas que devemos ter ciência dos riscos e estar sempre se protegendo. Vejo pessoas que têm 40K de patrimônio e 30k está em criptomoedas.

    Vamos acompanhando.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não há problema não BPM agora não conte com lucros disso constantemente por que não virá se não usar um método consistente de manejo de risco.
      Aqui defendemos ser conservador pois nosso objetivo é aposentar aos 40.no meu caso em 6 anos então não vamos investir para o longo prazo. Logo vamos usar a renda.

      Excluir
    2. Exato! Não é por falta de aviso que esse povo pode perder tudo e ficar desesperado. Àqueles que estão fazendo retiradas constantes e aportando em outros investimentos não serão pegos de surpresa.

      Excluir
    3. Oxalá todos fossem conscientes como vc BPM. Se vc tem um lucro enorme em ativos de alto risco vc deve passar boa parte disso para algo mais seguro (preferencia várias). Mas ao invés disso muitos aproveitam estes altos lucros para aumentar ainda mais as "apostas" no mesmo ativo de risco e não diversificam...tipo jogo de roleta ou black jack. Esta é a receita para quebrar e acontece muito com quem começa a operar opções a seco, futuros alavancado, termo, principalmente quando tem lucros no inicio e fica achando que é o cara e que pode bater o mercado !

      Excluir
  5. Sempre bom ler. Espero que consiga realizar suas metas em 2018.

    Abraço e feliz 2018.

    ResponderExcluir
  6. Sigo a filosofia Bastter. É uma excelente referência.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa IM. Eu também.
      Acho que realmente devemos separar a comunidade FIRE em dois grupos a este ponto. O dos que investem focando nos aportes e rendimentos moderados acima da inflação sem correr muitos riscos (nós) do grupo que quer chegar lá rápido e aposta alto nisso mesmo podendo perder quase tudo em investimentos de risco e eventualmente nunca chegar lá.
      O bacana disso é que cada um cuida do seu dinheiro e o valoriza do jeito que quiser e todos podem se dar bem de um jeito ou de outro! Abcs

      Excluir
  7. Com essa alta da bolsa minha carteira está desbalanceado, coloquei um limite de "desbalanceamento" de 20 mil reais que é o valor q posso vender ações sem pagar imposto. Penso em vender acoes e realocar nq estiver "pra trás" na minha carteira, q nesse momento são FIIs ou Tesouro Direto. Fico pensando se balanceamento é girar patrimônio ou se vou acabar perdendo uma possível alta maior da bolsa. Tento manter a disciplina mas a "ganancia" sempre pesa e aí fico tentando encontrar desculpas p vender as ações que valorizaram muito antes da possível queda que virá no futuro. Será que balanceamento de carteira é eficaz ou só faz girar patrimônio?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vejo rebalanceamento de carteira como girar patrimônio mas sim como manter seu nível de risco sob controle. Só não pode fazer isso todo mês também. O ideal é todo semestre ou no máximo todo trimestre.
      Vender ações que valorizaram muito precisa estar dentro de uma estratégia para saber quanto é muito.

      Excluir
    2. Anônimo,

      O rebalanceamento da carteira é uma estratégia que eu adoto e aconselho mas há algumas considerações pra fazer isso, pois conforme você mesmo falou, a ganância acaba jogando toda a estratégia fora.

      Prefira relancear sua carteira com dinheiro novo, ou seja, pegue os aportes futuros e compre o que está mais defasado mas não compre simplesmente por estar defasado, compre o que está bom no momento, por exemplo TD não tá nada bom no momento então não é porque você tem menos na carteira que vai comprar ele a taxa de 4,5%, neste caso é melhor esperar mas você pode comprar FII.

      Vender um ou outro ativo também pode ser vantajoso mas avalie o tipo de ativo, não adianta nada vender algo que está bombando pra comprar algo que está sofrendo.

      Neste post eu explico o rebalanceamento que eu fiz e você poderá perceber como foi acertado vender Cemig pra comprar ITUB3 ou BBDC3 ou ODPV3. Também vendi Grendene com uma boa valorização pra entrar em BBDC3 que estava defasado. O que ganhei em BBDC3 desde que vendi Grendene nem dá para comprar caso eu ainda estivesse nela. Enquanto Grendene subiu 15%, BBDC3 subiu mias de 35%.

      http://www.bpmilhao.com/2017/05/rebalanceamento-de-carteira.html

      Abraço!

      Excluir
  8. Normalmente utilizo sim dinheiro novo, mas as ações subiram tanto q na verdade superaram a minha projeção para o valor q terei no momento da minha IF. Então apesar do dinheiro novo continuar entrando nas outras aplicações as ações irão continuar desbalanceando a carteira enquanto eu não tirar um pouco ou o mercado voltar a cair. Imagino q seja uma forma da minha planilha dizer q é hora de realizar lucros e diminuir o risco. Porém mesmo q eu tire das ações acho q tá tudo caro por causa do juros. Se algum dia os juros voltarem a subir a tendência das FIIs e Tesouro pré é cair. Aí mais dinheiro novo deve entrar nessas aplicações.... sinto q devo ter disciplina e seguir oq a planilha manda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Siga a planilha. Não deixe sentimentos e achismo controlarem suas ações no mercado. Siga o plano sempre e não vai se arrepender no longo prazo. Pode se arrepender no curto prazo mas se a IF é sua meta, isto é longo prazo.
      Bons investimentos.

      Excluir
    2. Exato, siga o plano. Digamos que haja um mega Bear e as ações caem para metade do preço. Neste caso você terá que aportar mais em ações e com isso vai aumentar o número de ações que possui. Quando subir novamente você terá muito mais do que planejou além de receber dividendos pra caramba, ou seja, não dá pra ficar corrigindo toda hora esse movimento.

      Mantenha a estratégia, aporte dinheiro novo em outro ativo, podendo até ser RF se estiver muito abaixo da meta e deixe as ações fazerem o papel delas que é entregar bons dividendos pra você, quanto mais ações, melhor pra IF.

      Lá na IF se você precisar de dinheiro e os dividendos mensais não forem suficientes, aí sim você vende só o que precisar.

      Excluir

Mensagens ofensivas e críticas infundadas não serão toleradas. As mensagens aqui postadas podem não representar a opinião do blog AA40. Os posts aqui mostrados não representam sob hipótese nenhuma recomendações de investimento.