Subscribe

OLHA A INFLAÇÃO AI DE NOVO (MAIO 2019)

A inflação é, sem dúvidas, o grande vilão de qualquer plano FIRE. O aumento dos preços acima de seus rendimentos líquidos por um certo período pode desestruturar todo seu plano e te levar a consumir o principal. Com isto em mente vamos acompanhar neste post continuo que atualizaremos periodicamente quando saírem IPCAs que considerarmos preocupantes (>0,5%am) e teceremos alguns comentários: 


Maio 2019

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - IPCA de abril foi de 0,57% e ficou 0,18 ponto percentual (p.p.) abaixo da taxa de março (0,75%). A variação acumulada no ano foi de 2,09%. Essas duas variações são as maiores para um mês de abril desde 2016 (0,61% e 3,25%, respectivamente). O acumulado dos últimos doze meses foi para 4,94%, contra os 4,58% nos 12 meses imediatamente anteriores. Em abril de 2018, a taxa foi de 0,22%. O material de apoio do IPCA está à direita desta página.
O resultado do IPCA de abril sofreu forte influência dos grupos Alimentação e bebidas (0,63%), Transportes (0,94%) e Saúde e cuidados pessoais (1,51%). Juntos, estes três grupos responderam por 89,5% do índice do mês, com impactos de 0,16 p.p., 0,17 p.p. e 0,18 p.p., respectivamente. O grupo Artigos de residência, com -0,24%, foi o único que apresentou deflação em abril (IBGE em 10/maio de 2019)

Comentários

Caros leitores, parece que a velha vilã não está tão morta como muitos pensam e venho alertando há algum tempo. Vemos agora a Inflação superando o quartil superior da meta do Banco Central mas a última reunião do Copom a unanimidade foi por manter a Selic em 6,5%, o menor patamar da história mesmo o governo com as contas deterioradas e sem nenhum sinal de melhora sem as reformas.  Ou seja, o governo precisa de dinheiro pois está gastando muito mais do que arrecada mas não quer pagar por isso. Quem vai continuar financiando-o sem a devida compensação? As reformas prometidas poderão também ficar muito aquém do previsto e apenas adiar o problema.
Com o benchmark da renda fixa (CDI) em torno de 0,51% ao mês, qualquer inflação acima disto leva a um retorno real NEGATIVO dos investimentos, ou seja, quem vive de renda fixa está perdendo poder de compra, o que é péssimo e obriga o investidor a tomar mais risco em um conturbado cenário político nacional e um cenário internacional de guerras comerciais que ameaça o crescimento global. Tempos difíceis meus caros FIREEs. Diga ai nos comentários se seu retorno mensal em Abril foi maior que 0,57%:




....Anteriormente....


Abril 2019

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - IPCA de março foi de 0,75% e ficou 0,32 ponto percentual (p.p.) acima da taxa de fevereiro (0,43%). Esta foi a maior taxa para um mês de março desde março de 2015 (1,32%). A variação acumulada no ano foi de 1,51%, a maior para o período desde 2016 (2,62%). O acumulado dos últimos doze meses foi para 4,58%, contra os 3,89% nos 12 meses imediatamente anteriores. Em março de 2018, a taxa foi de 0,09%. 
PeríodoTaxa
Março de 20190,75%
Fevereiro de 20190,43%
Março de 20180,09%
Acumulado no ano1,51%
Acumulado nos 12 meses4,58%
O resultado do IPCA de março sofreu forte influência dos grupos Alimentação e bebidas (1,37%) e Transportes (1,44%). Juntos, estes dois grupos, que representam cerca de 43% das despesas das famílias, responderam por 80% do índice do mês, com impactos de 0,34 p.p. e 0,26 p.p., respectivamente. Comunicação, com -0,22%, foi o único grupo que apresentou deflação em março.
Fonte: IBGE



Isenção de responsabilidade: Todo conteúdo publicado neste site baseia-se no direito de expressão garantido nos arts. 5º, IV e 220 da Constituição Federal de 1988. Não somos profissionais de investimentos nem consultores financeiros licenciados. Este blog representa apenas opiniões e decisões pessoais, que podem não ser apropriadas para outros investidores. Por favor, use o bom senso e/ou consulte um profissional de investimento certificado antes de investir seu dinheiro. AA40 não é responsável pelos resultados de suas decisões, nem responsável pelos comentários postados pelos leitores ou pelo conteúdo de quaisquer sites vinculados. Este blog deve ser visualizado apenas para fins educacionais ou de entretenimento. Resultado passado não é garantia de resultado futuro.

15 comentários:

  1. Não, minha carteira rendeu 0,37%. Perdeu feio para a Inflação :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É meu caro anon, provavelmente vc esta na mesma situação de milhões de brasileiros, a maioria destes investidores de poupança. Abcs

      Excluir
  2. Não sou um grande especialista nisso, mas acredito que o BACEN vai tentar segurar essa SELIC em baixa por um tempo, justamente para dar um fôlego para as contas públicas e tentar conter a escalada do estoque da dívida.

    Cada 0,1% a mais na SELIC representa um rombo bilionário nas contas do governo, acho que o certo é tentar segurar por um tempo, aproveitando essa empolgação do mercado com o novo governo.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é mas não se pode esquecer que o governo precisa continuar arrecadando dinheiro no tesouro direto para custear a máquina já que o déficit é de mais de 100 bi ano. Se não pagar juroa justos não arrecadará o que necessita e a rolagem será baixa. O equilíbrio é delicado, não adianta baixar juros no decreto, isto nunca funcionou. Abcs

      Excluir
  3. Li que a inflação tende a arrefecer nos próximos meses e deve encerrar o ano em torno de 4%. Vamos ver....
    Estamos numa fase que não esta compensando investir na renda fixa e que está arriscado a renda variável. Não tem muito pra onde correr. Tomara que a Selic suba um pouco.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Previsão de inflação e dólar é algo que não se pode acreditar. Vamos acompanhar de perto. Ab s

      Excluir
  4. Melhor Jair saindo do Twitter e fazendo algo a respeito

    ResponderExcluir
  5. Vai terminar na meta, nem se preocupe

    ResponderExcluir
  6. Fala AA40! Só de ouvir essa palavra fico com medo, ainda mais com essas intrigas entre o Olavo de Cuckalho e os milico, a reforma da previdência, com todas essas intrigas políticas o Bolsomito 2018 acaba se fudendo. Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Paul. Sim inflação é para se ter medo mesmo, é algo incontrolável e difícil de se driblar. Sinceramente nunca tinha ouvido falar desse tal de Olavo até então e confesso que o que li do sujeito me deu asco. Tomara que os filhos influenciados do Bolsonaro não acabem estragando ainda mais o governo que já não está lá estas coisas. Veremos. Abcs

      Excluir
  7. Lendo os comentarios vejo que o pessoal esta bem confiante com as noticias. "Li que a inflação tende a arrefecer nos próximos meses", "Vai terminar na meta, nem se preocupe". Se tem uma coisa que nunca vi ninguem acertar, e previsao de PIB, Inflacao, Juros, Dolar. E so olhar o Dolar a um ano atras, estava na casa de 3,20 e tudo que era analista falava que estava no preco ou ia cair abaixo de 3. Agora esta 3,80 e todo analista fala que 3,70 esta em um preco bom.
    Minha carteira rendeu 0,49% no mes anterior. Esta realmente dificil alocar dinheiro esses meses, tenho procurado comprar ativos de longo prazo (cdb 5 anos), indexados a inflacao, mas tambem esta dificil achar. Pra se ter uma ideia, ontem o cdb bmg vencimento em 2026 estava ipca+4,95. Mes passado tinha comprado CDB BMG ipca+5 vencendo em 2024. Me recusei a comprar esse agora. Aloquei em FII. Agora e esperar esse presidente - que nao votei - parar de emitir decretinho idiota e fazer alguma coisa que preste de agora em diante. Abracos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com vc Marins. Parece que o pessoal está realmente confiante em uma inflação controlada e felizes com juros baixos. Eu já sou um contrariam nato e isso me preocupa muito já que como falou bem ninguém acerta estas previsões, no máximo dão sorte. Veremos e nós acompanharemos. Abcs

      Excluir
  8. É difícil a inflação disparar sem um aumento da renda dos brasileiros ou um agravamento da crise fiscal (que pode ocorrer com a demora na aprovação da reforma da previdência).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então o que explica essa disparada destes últimos meses?
      O fato é que é por isso ou por aquilo e essa maldita só sobe, cair que é bom nunca.

      Excluir

Mensagens ofensivas e críticas infundadas não serão toleradas. As mensagens aqui postadas podem não representar a opinião do blog AA40. Os posts aqui mostrados não representam sob hipótese nenhuma recomendações de investimento.