Subscribe

ANUÁRIO FIRE 2019: UM RETRATO DO MOVIMENTO FIRE NO BRASIL

ANUÁRIO FIRE NO BRASIL 2019

A poucos meses elaboramos uma pesquisa que tinha por objetivo gerar um retrato da pequena mas crescente comunidade FIRE Brasileira.
Sabemos muito pouco ainda sobre os FIREEs brasileiros. Estes  indivíduos que buscam a independência financeira e/ou aposentadoria antecipada. O pouco que sabemos vem através daqueles que possuem blogs e compartilham sua experiência, mas como veremos adiante, a grande maioria não possui um blog e mesmo assim estão na jornada FIRE. Quem são essas pessoas?  Como elas investem? O que e quanto elas pretendem acumular?  Quais as características sócio-econômicas dessas pessoas? São algumas perguntas que esta pesquisa visou responder.

A AMOSTRAGEM

O questionário composto de 23 perguntas foi amplamente divulgado no blog AA40 e links de blogs parceiros. Ficou aberto para respostas entre os dias 20 de Setembro a 15 de novembro de 2019. Ao todo foram recebidas 275 respostas únicas (verificadas usando cookies) tendo superado nossa meta de 215 pessoas inicialmente objetivadas. Os dados foram analisados em software de BI (para o pessoal que gosta de gráficos) e o resultado comentado está abaixo.

AS RESPOSTAS


Pergunta 1: Qual a a opção melhor define você como investidor?
Quase 35% dos entrevistados se definem como Investidores Buy and Holders, ou seja, compram ativos e não pretendem vender no curto prazo. Querem segurar por vários anos, seja para obter dividendos como também apreciação de capital visando retorno total.
Cerca de 30,5% de identificam mais como investidores diversificados; 11,6% como entusiastas FIRE; quase 10% como investidores exclusivos de renda fixa; outros 7,64% se definem como poupadores; quase 3% se definem como iniciantes no mundo dos investimentos e praticamente empatados com menos de meio porcento os que se auto definem especuladores, traders e os que não sabem investir ainda.
Creio que não houve muita surpresa aqui. A maioria que investe para um plano de longo prazo como FIRE deve realmente visar retorno total, evitar girar patrimônio, estar diversificado e ser um entusiasta FIRE ajuda a manter o curso nesta longa jornada.

Pergunta 2Como conheceu o movimento FIRE?

Surpreendentemente, 23,6% dos entrevistados ouviu/leu sobre o termo FIRE pela primeira vez aqui no AA40. Na verdade, apenas trouxemos o conceito americano em sua forma mais pura para o Brasil, onde a finasfera, blogosfera, etc já fazia um papel muito bom de educação financeira e motivação para investir, mas mesmo assim ficamos felizes com o resultado aqui.
Em seguida o famoso blog do Viver de Renda foi citado por 16,7% dos entrevistados como porta de entrada para o movimento FIRE, seguido por outros blogs da blogosfera brasileira com 15,2%; outro com 11,27%, Mister Money Mustache com quase 11%, SrIF365 com 9,09%; blogosfera estrangeira com 4,73% e o restante entre sites de mídia tradicional, livros, madfientist, etc.


Pergunta 3: Sexo e Idade do Entrevistado

Perguntamos para os entrevistados o seu sexo e sua idade para podermos traçar um perfil dos componentes. Já suspeitávamos que a maioria do movimento fosse composta por pessoas do sexo masculino e agora confirmamos que quase 84% da amostra é sim do sexo masculino e cerca de 16% do sexo feminino. Acho que é dever da firesfera trazer cada vez mais o público feminino para a comunidade, incentivando elas a poupar, criar seus blogs, investir, etc e evitar o machismo neste meio.
Quanto a idade, a distribuição de frequência mostra que a maioria dos amostrados estão entre 30 e 40 anos de idade, destacando-se as idades de 33 anos como a de maior frequência, seguido por 34, 36 e 38 anos, depois 39, 30, 31 e 32.
Entre aqueles na década dos 20, destacou-se a classe de idade de 28 anos. O mais novo com 21 anos e o mais velho com 60 anos.

Pergunta 4Que tipo de FIRE planeja?


Não é a toa que o pilar do movimento FIRE é a regra dos 4% e a comunidade FIRE brasileira não foge a regra. Quase 43% dos entrevistados pretende seguir FIRE com base na regra dos 4% (sempre lembrando que não importa se você pretende gerar renda passiva ou ativa, a regra dos 4% aplica-se em todos os casos, leia mais).
Quase um terço dos entrevistados pretende atingir a Fat FIRE, ou seja, no mínimo 365 vezes as despesas mensais ou uma TSR de 3% ou menos. Estes querem se dar ao luxo de viver mais confortavelmente ao atingir FIRE.
Já 12,7% pretendem atingir lean FIRE ou cerca de 210x as despesas mensais e viver uma vida sem muitos luxos mas fora da corrida dos ratos. Mais 8,3% pretendem atingir uma FIRE intermitente, ou seja, não se importam de parar de trabalhar por um tempo, viver dos investimentos e voltar a trabalhar depois se quiser/precisar. Aqui entram os sabáticos também. Outros 8,3% não conheciam os tipos de FIRE (quem quiser ler sobre os tipos de FIRE tem aqui).

Pergunta 5Onde você se encontra atualmente na sua jornada FIRE?


Sem muitas surpresas aqui, a maioria ou 42,18% de nós está no meio da jornada, ou seja, na fase de acumulação, tendo já começado a investir há algum tempo, mas ainda longe do objetivo.
Não muito atrás com 40,36% estão os iniciantes, aqueles nos primeiros passos da jornada. Estes provavelmente estão lendo e aprendendo muito sobre como investir, controlando suas despesas para alcançar taxas de poupança de mais de 30%, simplificando suas vidas, evitando cair na tentação do consumo e inflação do estilo de vida.
Cerca de 8% estão quase lá, falta apenas 2 anos ou menos para alcançar o objetivo FIRE. Já conseguem ver a luz no fim do túnel e a saída da corrida dos ratos.
Cerca de 4,7% ainda estão na fase de planejamento para iniciar a jornada. Estes estão descobrindo sobre a comunidade agora, lendo blogs, planejando um PIP, em que investir e por que, etc. Outros 4,7% já chegaram lá e estão curtindo sua vida, com seus problemas e alegrias que a vida FIRE traz.

Pergunta 6Você se considera Frugal?


Outra pergunta cujas respostas não surpreendem. Para ter sucesso na jornada FIRE é bastante importante cultivar uma certa frugalidade, renunciar consumo sem necessidade e levar uma vida sem tanto apego a objetos. Aqui 62,1% dos entrevistados disseram ser frugais mas de forma equilibrada, ou seja, não chegam a ser minimalistas mas de certa forma procuram manter os custos e consumo sob controle. Já 8,7% são extremos, ou seja, buscam estilo minimalista, naturalmente frugalistas ou então focaram tanto na jornada FIRE que cortaram ao máximo seus gastos.
Neste entremeio, quase 30% afirmam que não são frugais. Gastam e gostam de gastar e comprar mesmo estando na jornada FIRE. Observa-se nas respostas das outras perguntas desta amostra, que os indivíduos possuem renda muito alta, são de classes sociais A ou B e almejam patrimônios muito alto, isto retrata por que não são frugais.

Pergunta 7: Qual o tipo da sua residência atual?




Sabemos muito bem que aqueles que já possuem um imóvel quitado, seja por que pagou um financiamento ou recebeu de herança, saem na frente. Moradia é um dos maiores custos do orçamento doméstico e não ter que se preocupar com isso gera muito conforto e flexibilidade ao FIREE e pode acelerar muito sua jornada. Nossa pesquisa indicou que 53,68% dos entrevistados possuem casa própria e quitada já. Outros 37,5% pagam aluguel, mas não significa que estes estão em piores condições pois muitas vezes pagar aluguel é muito mais vantajoso do que financiar um imóvel. Já 8,8% dos entrevistados estão na saga do financiamento imobiliário. Esperamos que estes tenham tido o cuidado de financiar um imóvel até 150x do valor do aluguel mensal.



Pergunta 8: Qual o patrimônio almejado para se considerar FIRE (em R$)?



No gráfico foram considerados apenas os 10 valores com maior frequência de respostas, a fim de padronizar a análise. Valores maiores de 10 milhões de reais, que corresponderam a apenas ~2% dos pesquisados foram omitidos por serem considerados outliers.
Não sabemos se foi erro de digitação ou realmente almejam estes valores, mas, por curiosidade, tivemos 3 pessoas que almejam 20 milhões de reais, duas que almeja 15 milhões e outra que deseja 65 milhões de reais.  
Na distribuição de frequência acima, percebe-se que o valor mais citado e almejado pelos pesquisados foi o valor de R$  3 milhões com mais de 40 respostas. Em seguida o valor de 4 milhões de reais (ou também conhecido como 1 milhão de dólares) em segundo lugar, 1 milhão e 2 milhões de reais empatados em terceiro lugar. Estes foram seguidos pelos valores de 5 milhões, 6 milhões, 1,5 milhões, 10 milhões, 7 milhões e 2,5 milhões respectivamente.

PARTE 2 EM ELABORAÇÃO...


Isenção de responsabilidade: Todo conteúdo publicado neste site baseia-se no direito de expressão garantido nos arts. 5º, IV e 220 da Constituição Federal de 1988. Não somos profissionais de investimentos nem consultores financeiros licenciados. Nenhum ativo e/ou estratégia de investimentos aqui mencionados deve ser considerado indicação de investimento.. Este blog representa apenas opiniões e decisões pessoais, que podem não ser apropriadas para outros investidores. Por favor, use o bom senso e/ou consulte um profissional de investimento certificado antes de investir seu dinheiro. AA40 não é responsável pelos resultados de suas decisões, nem responsável pelos comentários postados pelos leitores ou pelo conteúdo de quaisquer sites vinculados. Este blog deve ser visualizado apenas para fins educacionais ou de entretenimento. Resultado passado não é garantia de resultado futuro.