Subscribe

Os 7 primeiros passos para se aposentar aos 40 anos


Nível: Iniciante. Tempo de Leitura: 4 min

Se a imagem que lhe vem a cabeça quando falamos em aposentadoria é de você velhinho, de bengala, dando pão aos pombos na praça esperando a morte chegar pode ir revendo este conceito.
É cada vez mais comum dentre os millenials (nascidos de 1980 para cá) a ideia de antecipar a aposentadoria no sentido de poder parar de trabalhar no seu emprego e trabalhar nos seus projetos, em coisas que lhe satisfaçam pessoalmente, dando elas dinheiro ou não.
Para isto ser possível é preciso atingir a INDEPENDÊNCIA FINANCEIRA (IF), ou seja, o ponto em que a renda de seus investimentos seja capaz de sustentar todos seus gastos.

Os sete principais passos para quem tem a meta de se aposentar aos 40:

  1. Comece o mais cedo possível: Você provavelmente ouviu aquela veja máxima "Deus ajuda quem cedo madruga"? - neste caso os juros compostos. Quanto mais cedo você estabelecer seu plano, com objetivos claros e numéricos e aprender a investir bem, mais fácil e rápido será de atingir FIRE. Faça um orçamento mensal, pesquise sobre investimentos e controle do dinheiro e invista o máximo possível hoje !
  2. Mantenha-se longe das dívidas: Uma das principais regras para atingir a IF é evitar qualquer dívida. Contrair dívidas é sabotar o seu plano, comprometendo sua capacidade de poupar e investir, além de aumentar as horas de trabalho necessárias para pagar a dívida e por conseguinte, os juros (sejam eles embutidos ou anunciados). Ah mais os juros são baixos: Não importa, um empréstimo é dinheiro dos outros trabalhando para eles as suas custas !
  3. Cresça seu capital via juros compostos: Não adianta apenas poupar. Investir bem é tão importante quanto. Os juros compostos tem um poder incrível de transformar um montante pequeno em uma grande quantidade num prazo mais longo. A renda fixa no Brasil é a melhor do mundo em termos de juros. Em nenhum outro país do mundo seu dinheiro vai crescer tão rapidamente com relativamente baixo risco quanto aqui. Tire proveito disso !
  4. Cuidado com os impostos: Ao investir, sempre compare investimentos tributados, em que o imposto de renda é pago (22,5% , 17,5% ou 15% conforme o tempo investido) com aqueles isentos de imposto de renda como LCA, LCI, Debêntures e outros. Geralmente um CDB tem que pagar bem acima de 100% do CDI para equivaler a uma LCI de 90% do CDI por exemplo visto da isenção de IR. Compare aqui qual é o melhor em cada caso.
  5. Cuidado ao financiar um imóvel ou carro: Nos dias atuais é raro que um financiamento de um imóvel seja mais vantajoso que alugar basicamente por que o seu dinheiro investido vai lhe gerar renda, enquanto um imóvel vai gerar despesas e o retorno na venda do imóvel é incerto. Na internet existem diversas calculadoras que podem lhe ajudar a decidir (veja aqui). Pense que ao financiar um imóvel você estará imobilizando dinheiro e contraindo uma dívida de longo prazo (20 ou até 30 anos). Quando terminará de pagar o imóvel ele já estará depreciado e provavelmente você tenha pago quase o preço de outro imóvel só em juros no período. Pense bem e calcule antes de entrar no "pesadelo da casa própria" muitas vezes vendido como um sonho, o que nem sempre é o caso. Quando ao carro, hoje você pode assinar um carro e pagar mensalmente e pagará bem menos que comprar novo, veja.
  6. Invista para o longo prazo: Salvo se você possua muita experiência no mercado financeiro, evite negociar ações diretamente. Coisas como day trade, opções, swing trade, forex e ultimamente Bitcoins e coins em geral devem ser feitos por profissionais que entendam os riscos e mesmo eles acabam perdendo dinheiro no mercado, hoje dominado por algoritmos de alta frequência que em segundos executam milhares de operações. É muito difícil sair vencedor no longo prazo fazendo estes tipos de operações. Foque em investimentos de longo prazo, fundos de baixo custo de administração, ações boas para comprar e esquecer, ETFs e principalmente instrumentos de renda fixa que te protejam da inflação. Criar uma carteira balanceada que minimiza os riscos e potencializa os lucros no longo prazo - Pesquise sobre Warren Buffet e  Luiz Barsi e analise como eles investem antes de pensar em viver de trade.
  7. Corte custos supérfluos: Otimize seu fluxo de caixa. Faça do investimento uma obrigação no final do mês como se fosse uma conta a pagar. Não invista apenas o que e se sobrar pois isso não é priorizar. Lembre-se que se atingir a IF for sua prioridade, deve priorizar os investimentos que lhe gerarão caixa e não os gastos que lhe levaram para longe dos lucros.   Os planejadores financeiros por aí falam em guardar 10% a 20% do seu salario líquido. Para atingir a IF aos 40 anos começando aos 25, precisará guardar mais de 50%. É fazer um esforço grande por um período relativamente curto para ter a liberdade para o resto da vida, inclusive a liberdade de poder continuar trabalhando ou não ! A escolha é sua !
E você caro leitor, cite abaixo nos comentários quais dentre as 7 você exercita regularmente?

PS: Sigam nossa página do Facebook onde elegeremos o melhor da blogosfera na semana. Curtam e se liguem no top 5 da semana.

27 comentários:

  1. Parabéns pelo blog aposente! Está de parabéns também pela frequência com que escreve. Estou acostumado a visitar seu blog pelo menos uma vez ao dia, se não tiver post novo eu leio os comentarios.

    ResponderExcluir
  2. 8 - E Não morra aos 41 anos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahah não tem como controlar isso infelizmente. Abcs

      Excluir
  3. https://degraoemgrao.blogfolha.uol.com.br/2018/11/04/conheca-a-estrategia-que-rendeu-mais-de-tres-vezes-o-cdi/

    ResponderExcluir
  4. Com essa previdência, o governo vai deixar morrer antes de alguém, receber algo. Só uma reserva mesmo , independentemente que seja IF

    ResponderExcluir
  5. Faço todos os itens eu acho.
    Menos o 5. Não tenho financiado. Até meu carro eu comprei a vista. Tenho fobia de dívidas haha
    Excelente artigo. E diga-se: se não for o melhor, certamente é um dos melhores sites do ramo no Brasil. Parabéns pelo conteúdo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande Filipe. Realmente dívidas é algo que eu, assim como vc, abomina.
      Obrigado pelo elogio. Isso nos motiva cada vez mais ! Abcs

      Excluir
  6. Ótimo post! Eu pratico todos desde cedo. O poder dos juros compostos ao longo do tempo é maravilhoso! Gostei do ponto 5 onde coloca “Cuidado” e não “Evite”. No meu caso parte do meu portifolio é composto de imóveis que alugo. Todos tiver a oportunidade de comprar financiado a um valor bem atrativo e juros bons. Mas tudo precisa se analisar o custo de oportunidade! A grande vantagem de se financiar imóveis para quem trabalha é poder descarregar o FGTS a cada dois anos! Consegui quitar 2 dos meus Imoveis em menos de 5 anos graças a essa tática. Adorei também o ponto 6! Deve se ficar sempre com pé atrás de aplicações “milagrosas”!
    Abraço!

    Executivo Investidor
    www.executivoinvestidor.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade EI. As vezes vale a pena. Seu caso é especial pois seu patrimônio é tão grande que comporta dívidas com juros baixos e te deixa tranquilo. Por isso mesmo falamos cuidado e não "não faça". Existem casos e casos mas para o pequeno investidor ou iniciante quase sempre não vale a pena além do valor snetimental apenas ! Abcs

      Excluir
  7. 7 ótimos passos para seguir, para quem quiser se aposentar cedo!

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir
  8. meu plano familiar é ter uns 4 kk investidos com 40 anos. Comecei a trabalhar com 22 e minha esposa com 23. Ambos sem herança na conta nem nada e com filho(s), lance é sempre guardar 50% dos ordenados, e, claro, ganhar bem hehe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 4M é uma boa fortuna. Minha meta é também guardar 50% mas é difícil quando é só vc que trabalha fora. Enfim, vamos fazendo o máximo possível sem parar de viver. Abcs

      Excluir
  9. Os sete passos são muito importantes! Eu acrescentaria um oitavo: buscar aumentar sua renda ao longo do tempo por meio de qualificação profissional, receitas extras etc. As vezes as pessoas ficam ansiosas por começar a acumular patrimônio e nao se dedicam o suficiente a se qualificar. Em muitas profissões é a partir dos 30 anos que vc tem as grandes oportunidades se estiver preparado. Entre oa 20 e os 30 eu juntei pouco, mas a etapa entre 30 e 40 tem sido a parte crítica de acumulação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade ABM. Porém no meu caso dos 30 aos 40 foi/esta sendo o período que mais me decepcionei com a profissão e com tempo que gastei me qualificando na década anterior. Hoje tenho um salário mais ou menos e uma péssima qualidade de vida ja que com a qualificação não só o salário aumenta mas sua responsabilidade e tempo demandado da sua vida para o trabalho.

      Excluir
  10. Pessoal,
    dos 7 itens, para mim, o mais importante é cortar os gastos supérfluos...
    Foi isso que realmente deu a alavancagem na minha vida. No começo, acho que como a maioria aqui, não sabia investir direito, fazer planejamento ERA um saco, tenho de admitir, rs..
    Portanto, comecei com os gastos que eu considerava supérfluos, ou seja: assinaturas sem sentido, produtos que eu nunca usava, cortei a tv a cabo, compra de menos roupas, não ter o melhor carro, celular etc etc..
    Assim, naturalmente aprendi a viver com muito menos do que ganho, aprendi a investir e segui em frente..
    Algo que é polêmico para muitos é o que chamo de 'especialização excessiva', ou seja, conheço pessoa (e isso não é um mal) que fazem milhões de cursos, faculdades, etc, porém, nunca planejam como ganhar dinheiro com isso, rs...os currículos são vastos, porém, o conta corrente é minúsculo, pois vi ao longo da minha vida que o retorno não é proporcional ao que vc investiu, geralmente, pelo menos no mundo corporativo, os puxa sacos acabam subindo pelos motivos de sempre, rs..
    Portanto, cortar gastos, viver com muito menos e entender onde vc está e o que quer são os principais fatores para a IF..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal RPB. Obrigado por compartilhar. Realmente o 7 é um dos que mais ajuda para obter a IF mais rapidamente.
      Abcs

      Excluir
  11. A meta é poupar 90% em renda fixa e 10% em criptomoedas.

    ResponderExcluir
  12. Uma das grandes sacadas para aproveitar os juros compostos são as Vending Machines...
    São empreendimentos, o que na essência dá mais trabalho do que investir na poupança ou num fundo de renda fixa, obviamente, porém traz retornos muito melhores. Uma operação bem organizada pode render 3% ao mês ou até mais...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nos EUA vending machines são muito comuns para tudo, porém no Brasil existe a questão do vandalismo, da burocracia e muitos outros que dificultam a vida do empreendedor infelizmente !

      Excluir
  13. AA40,

    É sempre bom relembrar essas fundamentos. Quanto à compra de um carro ou alugar, escrevi este post https://buff.ly/2xY4uhQ baseando na nova modalidade de assinatura de carro.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. BPM, seu post é excelente e bem lembrou dele aqui. Carro nunca foi investimento salvo em raras exceções onde usa para trabalhar. Obrigado pelo link e dica
      Abcs

      Excluir
  14. AA40 parabéns por divulgar a comunidade FIRE aqui no Brasil!
    Nós estamos começando o nosso blog para dividir a nossa experiência rumo a independência financeira também, nos visite: https://sempresabado.wordpress.com
    Um abraço!

    ResponderExcluir

Mensagens ofensivas e críticas infundadas não serão toleradas. As mensagens aqui postadas podem não representar a opinião do blog AA40. Os posts aqui mostrados não representam sob hipótese nenhuma recomendações de investimento.