Subscribe

Recessão? Juros? S&P500? O que anda fazendo o maior investidor de todos os tempos?

O investidor de valor mais famoso do mundo não está vendo muito valor nas ações em níveis recordes como o atual, depois da mais longa expansão econômica da história dos EUA.

A Berkshire Hathaway de Warren Buffett, vendeu US$ 1 bilhão a mais em ações do que comprou no último trimestre, sua maior venda líquida desde o final de 2017. Buffett foi um comprador ativo de ações a cada trimestre no ano passado, incluindo quase US$ 13 bilhões no terceiro trimestre sozinho.

A Berkshire está muito longe de ser apenas uma empresa de compra e venda de ações no mercado. A empresa mãe emprega mais de 55 mil pessoas e é subdividida em mais de 75 empresas subsidiárias que vão desde sorvetes como a DairyQueen até empresa de venda de automóveis, joalherias, seguradoras e imobiliárias. Por Buffett e sua empresa tocarem praticamente todos os setores da economia, os analistas e Wall Street toda ficam muito atentos aos resultados trimestrais dela pois é um termômetro da saúde da economia americana (e por consequência mundial já que EUA representa quase 50% do mercado acionário mundial).
Apesar dos resultados em geral não terem impressionado, a empresa de aluguel de aviões executivos e energia por exemplo tiveram resultados excelentes em contrapartida a empresa de ferrovia (BNSF) e produtos de consumo como joalherias e motor-homes que tiveram resultados abaixo do esperado assim como seguros. O resultado da Kraft Heinz ainda não divulgado pode piorar ainda mais o conário da retração de consumo.

Buffett e sua equipe não estão comprando ações como antes (lembre-se, ele é um "contrarian") e também não estão recomprando ações da BRK-B(A) como antes. O resultado foi que a pilha de dinheiro líquido da empresa subiu para um recorde de US$ 122 bilhões.

Sempre é bom lembrar que Buffett, de 88 anos, ganhou seu status lendário por consistentemente superar o mercado, mas o retorno total da Berkshire ficou atrás do S&P 500 nos últimos cinco, 10 e 15 anos. Isso levanta dúvidas sobre se a Berkshire cresceu demais para gerar retornos além do mercado.

Como Buffett sempre gosta de comprar bons negócios a preços baixos ou justos, a alta do mercado de ações está limitando as oportunidades de Buffett mas elevou sua carteira de ações a mais de US$ 200 bilhões em valor e gerou ganhos maiores. 

O fato é que se Buffett está vendo o mercado como muito caro é por que de fato está já que seus métodos de achar valor nas ações se baseiam muito no valuation. A cada tentativa do mercado americano fazer um novo rally é bloqueado por novas batalhas na guerra comercial com a China ou pelo FED e suas decisões de juros. Isto pode desgastar os investidores e fazer com que eles invertam a mão. Outro cenário são os juros mundiais cada vez mais baixos que inflam os mercados não proporcionando  retorno para o risco incorrido.

Fontes:




Isenção de responsabilidade: Todo conteúdo publicado neste site baseia-se no direito de expressão garantido nos arts. 5º, IV e 220 da Constituição Federal de 1988. Não somos profissionais de investimentos nem consultores financeiros licenciados. Este blog representa apenas opiniões e decisões pessoais, que podem não ser apropriadas para outros investidores. Por favor, use o bom senso e/ou consulte um profissional de investimento certificado antes de investir seu dinheiro. AA40 não é responsável pelos resultados de suas decisões, nem responsável pelos comentários postados pelos leitores ou pelo conteúdo de quaisquer sites vinculados. Este blog deve ser visualizado apenas para fins educacionais ou de entretenimento. Resultado passado não é garantia de resultado futuro.

16 comentários:

  1. AA40!

    O homem não está comprando por já deve ter ações demais... Pra que ele vai precisar de mais? rsrsrs
    Ele inclusive,conforme foi noticiado pela Bloomberg e UOL, doou boas quantias "Herdeiro do Walmart e Buffett doam US$ 4,8 bi de suas fortunas"! Bem que ele podia lembrar da gente!

    Abraços do Sou Poupador!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kkkk sim bem que podia. Mas veja que não estamos falando da fortuna pessoal mas da Berkshire. Tenho certeza que os investidores da Brk não acham que tem o suficiente heheheh. Ele e sua equipe que decidem quais ações comprar ou se comprar. Abcs

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. AA40, veja isso: 122 mil milhões. Liquidez da empresa de Buffett atinge novo recorde.

      https://www.jornaldenegocios.pt/empresas/detalhe/122-mil-milhoes-liquidez-da-empresa-de-buffett-atinge-novo-recorde

      Abraços do Poupador

      Excluir
    4. Isso SP. Eles pegaram da Bloomberg também. Isso é dry powder para comprar muito em uma eventual queda que cedo ou tarde virá. Vou ficar de olho neles para aprender mais. Abcs

      Excluir
  2. Ele está metido com Imoveis de alto padrão, li uma matéria meio por cima sobre isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim ele está metido com tudo. A Berkshire tem 75 empresas sobre seu guarda-chuva em todos os setores do mercado americano. Além de 55 mil funcionários.

      Excluir
  3. Não vende (muito) o que tem e faz caixa pra comprar coisas novas na crise.

    Muito bom! Tenho tentado fazer isso também, mas numa proporção absurdamente menor kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim olha o caixa que eles tem para comprar na baixa. Isso é algo que podemos seguir (quem investe nos EUA) . Deixar um caixa bom para comprar e ficar de olho quando eles começarem a comprar e baixar este caixa. Abcs

      Excluir
  4. Quantos empresas listadas na bolsa poderiam ser compradas com esses 122 Bi de Trumps? Um caixa gigantesco desses até dificulta aquisições. Ser um investidor pequeno tem suas vantagens heheh.

    Abraço

    ResponderExcluir
  5. Fala AA40.
    Comecei a comprar Berkshire há pouco tempo, acho que no Brasil a Itausa caminha por uma trilha parecida.
    Sobre a recessão batendo na porta, tenho visto muitos colegas nossos de finansfera postarem a respeito. A redução dos juros é um sinal de que algo está por vir no mercado.
    Mas o que nos resta a respeito disso tudo?
    Na minha opinião: aportar e diversificar.
    Grande abraço!
    http://www.acumuladorcompulsivo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem dúvidas é um sinal de que nem tudo está bem mas tbm uma pressão desgraça do Trump para se reeleger e tbm para enfraquecer o dolar um pouco.
      O que nos resta é acumular um capital líquido para comprar muito nas quedas que virão cedo ou tarde. Estou esperando há um tempo assim como Buffet. Não dá para comprar a preços muito fora do valuation. Abcs

      Excluir
  6. No caso de uma crise econômica generalizada, qual o melhor investimento?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se não quer perder dinheiro esteja líquido para fazer novas compras no forte da crise.
      Pagadoras de dividendos são uma boa. Caem menos mas caem porém o único que importa neste caso é o dividendo pago que vai pagar suas contas no final do mês e isto não muda com a queda (salvo se a empresa nao for boa e parar de pagar, por isso foque em dividends aristocrats).
      Ouro e prata geralmente sobe mas nem sempre e é um investimento morto uma vez que não paga dividendos. Abcs

      Excluir
  7. Poooo roubou o tema do meu post da semana rsrsrs. Bem, eu que tb to vendendo tudo e com caixa recorde fiquei aliviada de ver essa matéria. Pelo menos me sinto menos mal de não pular na festa. Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha publica ai tbm SS. Sempre é bom ler mais opiniões.
      Na verdade hoje foi um ótimo dia. Coloquei 2% do meu caixa nos EUA no ETF ITOT quase na mínima do dia. Não se pode esperar cair tudo para comprar...tem que comprar até o fundo pq nunca se sabe, pode ser apenas uma correção. Abcs

      Excluir

Mensagens ofensivas e críticas infundadas não serão toleradas. As mensagens aqui postadas podem não representar a opinião do blog AA40. Os posts aqui mostrados não representam sob hipótese nenhuma recomendações de investimento.